Corpo de bebê foi incinerado

A Secretaria de Saúde admitiu durante coletiva na tarde desta sexta-feira (7) que o corpo da pequena Eloany, de apenas 1 mês e 3 dias, foi incinerado na Maternidade Mãe Luzia. Um inquérito policial foi instaurado para apurar o crime e punir os responsáveis.

Eloany nasceu na Maternidade de Santana, mas como foi diagnosticada com problemas cardíacos teve de ser transferida para Macapá. Na madrugada de quinta-feira (6) ela não resistiu e morreu. Os pais tiveram que providenciar a certidão de nascimento para a liberação do corpo da criança para sepultamento, ao retornar à Maternidade, o corpo havia desaparecido.

O caso repercutiu após uma denúncia de que o corpo da criança havia sido incinerado junto com o lixo hospitalar. Os pais, revoltados, procuraram a imprensa. No final da tarde a SESA se pronunciou e garantiu a incineração.

A

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s